Entonce o nortista Pensando consigo Diz: isso é castigo não chove mais não...


PATATIVA DO ASSARÉ
TRISTE PARTIDA

...Quase pássaro nenhum canta agora, na seca...


JOÃO GUIMARÃES ROSA
TRECHO DO ROMANCE NOITES DO SERTÃO

Ao longo dos séculos, os observadores do céu, como agricultores, pastores e navegantes, acumularam conhecimentos práticos que permitiram compreender melhor as mudanças do tempo.


PROJETO BRASILEIRO PARA O ENSINO DE GEOGRAFIA: O TEMPO E O CLIMA (1980)

Configura-se, assim, o eterno dilema da Climatologia Geográfica: primeiro destruir para depois recompor ou ir direto a gênese dos fenômenos?


JOÃO AFONSO ZAVATTINI E MARCOS NOBERTO BOIN
CLIMATOLOGIA GEOGRÁFICA: TEORIA E PRÁTICA DE PESQUISA (2013)

Mandacaru Quando fulora na seca É o sinal que a chuva chega No sertão


ZÉ DANTAS E LUIZ GONZAGA
O XOTE DAS MENINAS

....Podemos falar então em cadeias de tipos de tempo. O estudo delas levar-nos-á à compreensão do ritmo, que é a essência do clima.


ANTONIO CARLOS TAVARES
O CLIMA LOCAL DE CAMPINAS (1974)

...Os estudos de clima urbano têm sido justificados pela expressão que as cidades tomaram nos últimos anos...


MARGARETE C. DE COSTA T. AMORIM
IN OS CLIMAS DAS CIDADES BRASILEIRAS (2002)

...A intensidade de urbanização, expressa em termos de espaço físico construído, altera significativamente o clima.


MAGDA ADELAIDE LOMBARDO
ILHA DE CALOR NAS METRÓPOLES: O EXEMPLO DE SÃO PAULO (1985)

Os ventos começavam a soprar mais espertos e como agitavam as almas das coisas, arrancando do torpor para a vida.


GRAÇA ARANHA
TRECHO DO ROMANCE CANAÃ

Le temps est une combinaison éphémere (um instant ou quelques jours, sulvant l´approximation), mais concréte...Le climat, au contraire, n´apparait qu´anprés l´´tude patiente ET methodique d´une longue período...


PIERRE PÉDELABORDE (1970)
INTRODUCTION A L´ÉTUDE SCIENTIFIQUE DU CLIMAT

Publicações

© 2018 - ABClima - Todos os direitos reservados.
Idealização e desenvolvimento: Charlei A. da Silva (2013/2014)
Programação: Excla!m